links
arquivos

Agosto 2017

Julho 2017

Maio 2017

Março 2017

Novembro 2016

Outubro 2016

Abril 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Abril 2015

Março 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Setembro 2008

Julho 2008

Junho 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

.......................
pesquisar
 
Agosto 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31
tags

todas as tags

favorito

SO LONG LEONARD...

TINTURA

DA RUA PARA O CONVENTO.

É A VIDA...

FAZ UM DESENHO...

TRANSGÉNERO...

blogs SAPO
Segunda-feira, 18 de Fevereiro de 2008
NÃO SEI...
Olhava a chávena de chã, sentindo o calor nas mãos…
- Eu olho para as pessoas e sei o que elas sentem… vejo o que as trouxe aqui…
Calou-se olhando para a irmã que estava sentada em frente do outro lado da mesa…
- Oh que caralho, vais começar outra vez com o mesmo!
- Não sei!...
- Raios, porra, tens esse dom…
- Maldição…
- Dom – A irmã levantou-se, com as mãos apoiadas na mesa – dom… Quantas pessoas conheces que bastando por a mão, ficam a conhecer a alma dos outros?...
 
Até aos 13 anos, Mariazinha era uma criança igual a todas as outras. Um dia ao entrar no autocarro escorregou e bateu com a cabeça no passeio, entrando em coma durante 5 dias… quando acordou estava diferente. Via o interior das pessoas, sabia-lhe os segredos, bastando tocar-lhes…
 
A irmã mais velha, depressa viu uma maneira de fazer render o “dom”, e não tardaram a chegar, aos magotes, deserdados da vida, que ela apresentava à vidente, que entusiasmada, com os novos “super-poderes” pensando que tudo podia, alegremente aconselhava, para tudo arranjando soluções, buscando nos catecismos, nas vidas de santos e beatas, respostas para dar a quem a procurava… que as pessoas aceitavam, maravilhadas com aquela pessoa que sem nada lhes perguntar, só por colocar a mão em suas cabeças, tudo sabia sobre as suas vidas e o que as tinha levado a ela… e a irmã recebia o fruto desse espanto, fazendo render os lucros.
 
- Mas eu só conheço o que as traz aqui, nada sei como vai ser…
- Isso que importa… saem daqui aliviadas…
- Enganadas…
- Aliviadas, porra, que eu vem as vejo…
- Eu digo-lhes como devem fazer para a vida delas melhorar, mas ninguém sabe como vai ser, eu só sei como foi…
- Isso que importa… Olha mas é por nós… que temos que comer todos os dias…
- Não sei…
- As pessoas que se fodam! Dá-lhes o que elas querem…
 
 
 
publicado por JP às 11:56
| comentar | favorito
|